30 de maio de 2013

Galiza nom é umha mina!! Manifestaçom nacional contra a minaria salvaxe

Cartaz da convocatória
 
Representantes de várias das organizaçóns que integram o colectivo ContraMINAcción, do que a nossa agrupaçom forma parte, oferecerom uma conferência de imprensa o 16 de maio, para anunciar uma grande manifestaçom em Compostela para o próximo 2 de junho, que partirá às 12:00 horas da Alameda. Com esta manifestaçom, que as entidades organizadoras auguramos maciça, pretende-se expressar o rexeitamento que está a gerar o incremento de concesións mineiras na Galiza por parte da Xunta sem atender à salvagarda de espaços protegidos, comunidades humanas e médio ambiente; nem à defesa dos milhares de pessoas e postos de trabalho que estám ameaçados polas actividades extractivas de umhas poucas empresas.

Desde a Agrupaçom de Montanha Áugas Limpas animamos a participar na manifestação de 2 de junho para deter o espolio do nosso território que está a ser perpetrado por umas poucas empresas, o meirande delas estrangeiras.

29 de maio de 2013

Informaçom para a marcha aos Ancares este fin de semana do 1 e 2 de Junho

Saida o sábado 1 de junho: 09:30 do Albergue Campo da Branha  (umha vez en Sam Romam de Cervantes, temos indicador a Degrada, onde esta o albergue).

A duraçom do roteiro seria aproximadamente entre 6 ou 7 horas. A dificuldade seria media-alta. Trataremos de subir ao Cuinha polo val do rio Cuinha  (zona de Candín e Tejedo de Ancares). Existe a posibilidade de regreso mais doado até porto Ancares e despois escender por estrada 3 ou 4 km. Cada umha de nos tem que levar a súa comida para o roteiro, e abundante auga (que sempre queda escasa).

Chegada ao albergue onde temos reservado liteiras por custo cada umha de 8€/persoa. A ceia do sábado será partilhada, assim que cada quem ten que trazer algumha coisa para partilhar co resto das montanheiras.

Domingo 2 de junho: O almorzo tem previsto fazerse na cafetería do albergue (cafe+ bolinho= 2€ aprox). O roteiro do domingo falarase durante o sábado que se prefire,se umha ascenssom ao Pena Rubia se a gente preferise algo mais de montanha, ou um roteiro circular por Donis. (durará só de manha). A comida do meiodia do domingo a facilitará AMAL, com um custo de 2€ por persoa.

 QUE NECESSITAMOS LEVAR?
Sería convinte que cada persoa traia um copo, um prato e talheres para o seu proprio uso.
Saco de durmir para o albergue. Roupa e calzado cómodo e lixeiro. Comida para levar ao monte (comida meiodia) e comida para partilhar no sábado na ceia. Garrafas com agua.


COMO CHEGAR A SAM  ROMAM DE CERVANTES DESDE COMPOSTELA?
https://maps.google.es/maps?hl=es&tab=wl

COMO CHEGAR A SAM ROMAN DE CERVANTES DESDE OURENSE?
https://maps.google.es/maps?hl=es&tab=wl
COMO CHEGAR A SAM ROMAN DE CERVANTES DESDE LUGO?

https://maps.google.es/maps?hl=es&tab=wl

COMO CHEGAR A SAM ROMAN DE CERVANTES DESDE VIGO?

https://maps.google.es/maps?hl=es&tab=wl

COMO CHEGAR A SAM ROMAN DE CERVANTES DESDE FERROL?

https://maps.google.es/maps?hl=es&tab=wl

24 de maio de 2013

36ª MARCHA DA AMAL: ANCARES

Pico Cuinha; Ancares
 
Os próximos dias 1 e 2 de Junho da AMAL trilharemos os caminhos da Serra dos Ancares, no ascenso ao Cuinha o dia 1 e umha ruta de menor dureça por determinar para o Domingo dia 2.

Cumpre anotar-se antes da próxima quarta feira dia 29 por questons organizativas, já que faremos noite de albergue e procuraremos aforrar o máximo possível no número de carros para o despraçamento. Telefone de contacto: 697 565 470

A próxima semana publicaremos mais informaçom sobre o roteiro, adiantando que a dificuldade será média e, como sempre, tendo em conta as capacidades do grupo de montanheiras.

16 de maio de 2013

DOMINGO, 19 MAIO, 11 HORAS, ANDAINA PELOS MONTES DE CABRAL

Como nom resultam suficientes os centros comerciais que há na cidade de Vigo e arredor, a Câmara municipal de Vigo apoiado por capital estrangeiro planea levar a cabo um macro centro lúdico comercial e residencial nos montes de Cabral. Este levaria por diante toda uma grande área de importante valor ecológico e cultural, valor dado tanto pelos seus vestígios arqueológicos coma pela sua vitalidade acuífera. Portanto, querem arrasar com o monte alegando postos de trabalho e maior riqueza e benefício para a vizinhança em particular e a cidade em geral.

Pois nom! Nom é verdadeiro! Impossível de acreditar!

A riqueza é ter-mos um ecosistema vivo que sirva para alimentarmos-nos. O benefício deve vir do pequeno comércio, da empresa familiar que permita que todas as pessoas tenham aceso a um prato de comida. E, finalmente, a parte lúdica nom pode estar num shopping. É preciso que crianças e meninas aprendam a construir os seus próprios jogos e brinquedos, as suas inquietaçons. Se nom alcançamos que leiam, sonhem e construam de por sim estaremos condeando à inopia às próximas geraçóns. Já que estes, hoje, só som pequenos autómatas que jamais darám em fazer uma carro de bolas!

Por isso, neste domingo 19 de maio botámonos ao monte para revalorizalo e conhecê-lo!
Vem, acode e difunde!

UMA TERRA VIVA É UMA VIDA DIGNA!

 

 

Detalhes para o Acampamento 2017 Olá montanheiras! Já está toda pronto para o acampamento: esta sexta-feira, dia 15 de S...